Você cuida da sua saúde sexual?

Olá gente!

Vamos falar de um tema que é um dilema para muitos homens, pois nem sempre é levado a sério os cuidados na saúde íntima e muitos não sabem os riscos que podem provocar para a sua própria saúde e de sua parceira.

Desde o nascimento o homem possui o órgão masculino em desenvolvimento, isto é, a medida que crescemos o órgão sexual se desenvolve também e temos a necessidade de visitar um urologista para acompanhar o desenvolvimento da nossa saúde sexual.

Mas aí que começamos com o primeiro desafio: Visitar o médico regularmente, seja urologista, cardiologista ou outras especialidades (alguns especialistas dizem pelo menos 2 x ao ano)!

Prosseguindo temos o destaque para alguns tópicos que podemos falar com mais detalhes, são eles:

  1. Alimentação
  2. Atividades Físicas
  3. Higiene íntima e Preservativo
  4. Exames periódicos
  5. Manipulados & Saúde Sexual

Segundo a OMS, as infecções mais perigosas são três das infecções sexualmente transmissíveis (IST) mais frequentes:

Juntas, elas contagiam 200 milhões de pessoas por ano – todo ano, são:

  • 131 milhões infectadas pela clamídia, 78 milhões pela gonorreia e 5,6 milhões pela sífilis.

As infecções, caso não sejam diagnosticadas e tratadas a tempo, podem causar problemas graves a longo prazo. (mesmo que não apresentem sintomas por um tempo).

Já pensou ter uma doença e não saber? Ou ainda acabar transmitindo para a sua parceira e passar por uma situação constrangedora?

Podemos e devemos ter cuidados que nos auxiliam diariamente, proporcionando uma saúde sexual de qualidade!

Alimentação

Deixe de fora o excesso de gordura, açúcar e sal e mantenha uma dieta balanceada que contenha:

  • frutas
  • legumes
  • verduras
  • fibras e proteínas.

Recomendamos a visita a um especialista: nutrólogo, nutricionista ou ainda especialistas que podem orientar a prática certa de uma alimentação e suplementação saudável.

E ainda falando sobre alimentação e hábitos, o consumo em excesso de bebidas alcoólicas, cigarro, o estresse e o sono inadequado influenciam diretamente a qualidade da sua saúde sexual!

Atividades Físicas

Além do que falamos acima para manter a sua saúde sexual em dia, é importante a prática de atividades físicas, mantendo o metabolismo sempre em funcionamento e produzindo a quantidade necessária de hormônios sexuais para garantir um bom desempenho sexual.

A vida sedentária prejudica a saúde sexual e afeta diretamente o bom desenvolvimento do organismo como um todo, então não deixe de se mexer.

Higiene Íntima e Preservativo

A falta de higiene íntima, pode acarretar em inflamações e irritações na área genital, que vão desde uma coceira até infecções graves por fungos e bactérias.

O cuidado com a saúde íntima é de suma importância implicando desde lavar as mãos, tomar banho e lavar corretamente o pênis, enxugar corretamente o pênis após o banho e após usar o banheiro, não usar cuecas muito apertadas e higienização após a relação sexual.

Para homens que sofrem com fimose, os cuidados devem ser redobrados, já que pode facilitar o acúmulo de sujeiras. Muitas vezes, nesses casos é necessário lavar bem e atenção se houver alguma irritação deve ser trocado o sabonete.

O uso do preservativo é tão essencial quanto o cuidado com a higiene, pois é uma das principais proteções contra HIV; com ótima relação custo-benefício, já que funciona na prevenção de outras infecções sexualmente transmissíveis e evita a gravidez indesejada.

Exames Periódicos

Os homens acabam ficando mais suscetíveis aos riscos à saúde, devido ao consumo alcóolico, tabagismo, sobrepeso, doenças genéticas e muitos costumam negar quando estão adoecendo devido a uma série de questões culturais e comportamentais.

Com isso a expectativa de vida é cerca de sete anos inferior à das mulheres!

A realização periódica de exames preventivos para homens deve ser orientada de acordo com a faixa etária e com o histórico de saúde de cada beneficiário.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a recomendação é que todos os homens com mais de 40 anos passem a fazer exames preventivos de dois em dois anos.

Se já houver alguma patologia na família, as ações preventivas devem começar mais cedo, a partir dos 35 anos. Se o homem for fumante, sedentário, estiver acima do peso e tiver antecedentes familiares, a rotina de exames deve começar a partir dos 30 anos, com acompanhamento médico.

De qualquer forma, ao completar 50 anos todos os homens devem fazer avaliações preventivas pelo menos duas vezes ao ano.

Com relação aos tipos de exames temos:

  • exame de sangue
  • exame de próstata
  • auto exame testicular
  • exames de urina
  • exames cardiovascular, entre outros.

Manipulados & Saúde Sexual

A indústria magistral tem crescido bastante quando se trata de cuidados à saúde sexual. Em nossa farmácia manipulamos algumas fórmulas que tem sido um grande diferencial no aumento no nível de testosterona,  desempenho sexual, sintomas da andropausa, dentre outros benefícios. Sobre os principais manipulados:

  • Alprostadil em Base Pentravan: tratamento para disfunção erétil, o kit contém uma caneta de aplicação direta no canal da uretra que promove a ereção e a reabilitação peniana.
  • Fito Hormônio (Reposição Hormonal Natural): fitoterápico que é composto de ativos que podem reduzir os calores, prevenir a osteoporose, baixar o colesterol, proteger o coração e diminuir os riscos de câncer de mama, útero e próstata.
  • KSM-66: produz um aumento significativo no volume de sêmen, na mobilidade e concentração de espermatozoides, além de aumentar também o nível de testosterona.
  • Cápsula Anti Aromatase: são feitas a partir de extrato seco de Pomegranate (Romã) e Cúrcuma, sendo utilizadas como auxiliar nos tratamentos de reposição hormonal masculina – com propriedade de inibição da enzima aromatase, enzima que converte a testosterona em hormônios femininos.
  • Ômega 3,6 e 9 masculino (óleo de peixe, óleo de linhaça e óleo de borragem): composto completo para o equilíbrio do colesterol, triglicerídeos, prevenção de doenças cardíacas, depressão, ansiedade, alterações do humor, transtorno bipolar, doença de Alzheimer.

Homem não deixe de se cuidar! Quaisquer dúvidas ou experiências vividas compartilhe com a gente, estamos totalmente a disposição para auxiliar em possíveis dúvidas.

Referências

Site – No Brasil, o UNAIDS mantém representação desde o ano 2000, em Brasília. União na luta contra a AIDS – https://unaids.org.br/
Site – Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais MINISTÉRIO DA SAÚDE – http://www.aids.gov.br/
Site – OMS – Organização Mundial da Saúde – http://www.who.int/eportuguese/countries/bra/pt/

Graduando em administração, libriano e proseador. Sou mineiro de sangue, gosto muito de desafios novos seja no campo social, político, saúde e dia-a-dia (a boa conversa cotidiana, refletindo sobre tudo um pouco).

Lucas Bueno
Lucas Bueno
Graduando em administração, libriano e proseador. Sou mineiro de sangue, gosto muito de desafios novos seja no campo social, político, saúde e dia-a-dia (a boa conversa cotidiana, refletindo sobre tudo um pouco).